24 July 2012

Vaidade Feminina é Frescura?

Então que eu já falei aqui sobre vários assuntos, e um dos mais recorrentes é sobre itens de beleza e vaidade feminina. Vivo escrevendo, principalmente, sobre esmaltes; que é uma coisa que eu ADORO e, se gosto do produto, recomendo mesmo. E faço a mesma coisa, fora do blog sim, eu tenho uma vida fora do blog e da internet.

Não é segredo pros meus queridos leitores que eu não só sou uma pessoa vaidosa, mas tb que tenho uma drag morando dentro de mim - tanto, que até o Fá e a minha mãe já falam isso. Também não é segredo que eu ODEIO gente que julga pelas aparências; mas que tenho consciência que no mundo corporativo e no mercado de trabalho, a aparência é um dos primeiros fatores que é avaliado.

Aprendi isso a duras penas, na prática, lidando com clientes que não queriam ser atendidos por mim, inicialmente, pois eu só usava jeans, tênis, camiseta e cabelo amarrado. Não de um jeito pouco feminino, apenas não me preocupava com a aparência. Sempre acreditei que, se a pessoa é competente, ela irá se destacar, e que aí, tanto faz a roupa com que estou vestida. Mas, babe, não é assim que a banda toca.

Custei a acreditar que as pessoas julgam, sim, pela sua aparência. Foi um golpe muito duro pra mim, saber que antes mesmo de avaliarem a minha competência, avaliavam a minha aparência. Hoje em dia, entendo a razão: se vc não conhece o profissional que irá contratar, algum critério tem que ter pra avaliar. E, como em realitties shows, que na primeira semana tem toda aquela desculparada de "ai, eu vou votar na Fulana pq não tenho muita afinidade com ela; mas não tenho nada contra"; na vida real não tem como vc avaliar inicialmente o profissional, sem ver o trabalho. Repito: ALGUM CRITÉRIO TEM QUE TER; pq né, quem é que vai falar pro seu futuro chefe ou cliente "bem, eu sou dedicado, mas não curto chegar cedo nem sair tarde; e aliás, não sou muito chegado em estudar também, por isso, se vc for me passar algum trabalho, vai ter que ser do jeito que eu já sei fazer"?

Parabéns pra vc, que faz atividade física antes do trabalho
Aí eu leio por aí que a pessoa tomou uma atitude e resolveu fazer exercício físico antes do trabalho. Como eu sei o quanto é importante receber apoio quando tomamos uma atitude dessas, pra dar continuidade, só tenho a falar: "aí, valeu, segue em frente, parabéns pela atitude". Maaaaaaaas, é claro, eu não sei como é o dia-a-dia da pessoa. Eu não sei nada além do que a pessoa contou. E, ao invés de me manter só no "aí, valeu, segue em frente, parabéns pela atitude", acrescentei "pra mim não rola, pq meu serviço exige que eu esteja montada, maquiada e de salto alto".

Inicialmente, seria só um comentariozinho bobo, indicando um detalhe da vaidade feminina, que é exigido no meu trabalho, concordam? Mas NÃÃÃÃÃÃOOOOO, alguém tem que fazer disso uma batalha épica e mencionar que "trabalhar montada é frescura". Alguém tem que indicar que "se maquiar" é futilidade. Alguém tem que alegar que usar salto alto pra trabalhar é quase "dispensável" trivial/ele ainda te conhece tããão mal.  e chegar ao CÚMULO do desrespeito e fazer uma comparação pejorativa, baixa, nojenta.

Eu me pergunto: será que essa pessoa REALMENTE acha que eu venho trabalhar usando make ultra pesada? Será que essa pessoa é tão desprendida profissionalmente, que consegue avaliar o trabalho de alguém, sem receber uma prévia antes? Será que essa pessoa, quando avalia o trabalho de alguém, não olha com mais cuidado quando se trata de um trabalho feito em folha timbrada, ao invés do combo folha-branca-A4+fonte-Arial-10+tabulação-inexistente+alinhamento-de-texto-à-esquerda? Será que ela não julga ninguém, no trabalho, que erra a ortografia? Aliás, pq será que essa pessoa não me alfinetou (como deveria ter feito) no próprio blog, ou mesmo aqui, no meu blog? Pq essa pessoa quis me alfinetar em um blog de alguém que não tem nada a ver com o pato?

E, SIM, este post é dedicado a você, que na pressa de comentar quão superficial é alguém ter o cuidado de ir maquiada e/ou de salto para o trabalho (na sua concepção), me ofendeu ao me comparar a um travesti - não pelos travestis em si, mas pela FORMA como fez. E sinta-se à vontade para comentar o post, se defender, fazer o que quiser. Só não publicarei comentários que contiverem palavrões.

Em tempo: eu admiro MUITO quem faz drag. Conheci alguns travestis que se vestiam, se maquiavam e se portavam com muito mais elegância e classe do que muita mulher "original de fábrica" por aí. A ofensa não foi pelo termo "travesti" em si, mas pela forma como foi feita.

5 comments:

Fulana said...

achei bafo o post, mas fui até conferir de novo, porque tinha lido seu ocmentario!
acho que nem foi muito direcionado a ti, mas um comentario meio generico, até achei curioso sua reação...um pouco desproporcional a um comentario corriqueiro. mas que sei eu né? eu só comento e nunca leio o comentário dos outros, nem fico esperando resposta no sistema de comentários como alguns fazem...
mas se vaidade feminina é errado, sou a maior errante de todas, e digo mais! a drag que mora em mim é a isabeleta dos patins!

Natália said...

Sei demais de qual post e qual comentário você tá falando. Assim, não sei se vc conhece aquela desleixada (rs!) que fez aquele comentário e se vcs já têm um passado, uma história. Mas, SE não tiverem, não acho que o comentário foi relacionado A VOCÊ.

Quer dizer, eu tbm fiz um comentário dizendo 'concordo coma gazzy' e bla bla bla e, qndo li o comentário da desleixada em questão, não interpretei como se ela estivesse me chamando de traveca ou fútil ou nada disso.

Só imaginei que, provavelmente, ela é bem desleixada. E, provavelmente, ela trabalha, sei la, em algum sub-emprego no qual ela não precise se arrumar. Vai ver, ela é diarista. Vai saber? Rs..

COM CERTEZA, ADVOGADA ELA NÃO É. Se fosse, saberia que APARÊNCIA É TUDO. Infelizmente..

Vai chegar ao fórum desleixada! Vai tentar disputar (com outros 13 causídicos, num balcão apertadíssimo) a atenção de escrivão sem estar toda montadinha, linda. Vai chegar em audiência de rasteirinha ou com olheiras feito um panda, pra ver o tipo de tratamento que o juiz vai lhe dispensar.

Se eu acho isso legal? NÃO. Acho que a JUSTIÇA deveria ser CEGA, inclusive, para não ficar olhando se o advogado, no calor de 36º, está de bermuda e regata ou de terno. Mas, né, não é assim que funciona.

Ela não é desse meio, não pode saber...

Eu não levaria pro lado pessoal, SE VCS NÃO SE CONHECEREM, nem nada.

Relaxa :)

Bjo!

Gisa said...

Eu lembro de ter comentado em um blog de alguem que contava essa coisas dos exercicios... e escrevi que eu era preguiçosa demais... mas nao lembro que blog foi!
Que loucura, menina, todo esse pampero por quase nada...
Sabe, as vezes a gente escreve com uma intençao mas a pessoa entende de outro modo... eu prefiro sempre resolver a situaçao, essa coisa de indireta nao è comigo!

Nega said...

Hum...Assim que cheguei no meio do texto lembrei do post e do comentário que li há diiiiias atrás no referido blog. E cá estou lendo o seu só hj (q tive tempo). Quem me dera se eu pudesse viver num mundo onde pudesse ir trabalhar de tênis e cara lavada todo dia. Hj sou obrigada a usar a maldita roupa social e o maldito saltinho ou sapatilha fechada no mínimo. E claro, a maquiagem, afinal cliente nenhum é obrigado a se assustar comigo as 10 da manhã com minha pele nao maravilhosa! A roupa social ainda nem me incomodo tanto. Tou me incomodando mais pelo fato de não estar com verbas para dar uma geral no guarda roupas e aí parece q bosta nenhuma fica boa. Mas obviamente a roupa social nunca vai ser mais confortável que uma roupa mais soltinha e um tênis no pé (como muitos lugares podem, infelizmente o nosso nao). Generalizar é osso!

Nega said...

Juro que até voltei...Fui ler de novo o tal comentário e tive que voltar. Cara, numa boa! Em que mundo essa pessoa tá vivendo que ela acha tanta frescurite assim alguém usar maquiagem todo dia????? oO ESPANTADA!!!!!!!! Igualzinho fiquei da primeira vez que li!!! Os ultimos dois empregos que tive, aliás os unicos desde que cheguei em BH, me exigiam maquiagem todo dia! Todos lidando com público, negócios, vendas. Todo direito de cada um expressar a opiniao mas juro que me da preguiça esse tipo de coisa. Que acha que só o mundo dela é correto ou "normal". Como diria meu amigo Datena: Me ajuda aí né???
P.S: E mesmo que meu trabalho não me exigisse isso, qualé o problema alguem se maquiar todo dia se assim se sentir bem?????? Eu hein!!!