19 April 2012

Sou Paga Pra que, Mesmo?

Então que estava lá eu, lindaleveelouca, vendo os bloguinhos que seguem a Lu (ou que comentam lá), quando me deparei com o blog da Fulana, e lendo lendo lendo, descobri que ela é Assistente Social, igual qui uma das minhas melhores amigas ever. E justo nesse post que ela fala de ser assistente social, ela colocou que se tornou uma pessoa mais forte por causa disso, parará, talz, e que "ninguém vai na Assistente Social pra falar que pintou a casa de rosa".

Pois então. Na minha profissão, as pessoas vêm me encher o saco só pq pintou a casa de rosa! Sério! Quase mandei um cliente tomar naquele lugar procurar outro profissional pq, paciência, nem tenho mais. O indivíduo veio reclamar que queria entrar com um processo pra conseguir "danos morais" pq pintou a casa de rosa! Pode isso, Arnaldo?

Não é que ele pediu pra pintarem a casa de azul e pintaram de rosa. Ele PEDIU pra pintar a casa de rosa, pra ficar igual àquele wallpaper do Windows, de casinha, saqualé? O próprio. Daí, sei lá o que deu na cabeça do cidadão, que achou que o pintor não passou a tinta que ele queria - E QUE ELE PRÓPRIO ESCOLHEU - e daí, pá, "quero processar o pintor por danos morais".

Cara, eu não sei como mantive a calma nessa hora, pra não dar risada nem mandar o indivíduo tomar naquele lugar procurar outro profissional. Pq, vou te contar, viu? Pessoua totalmente fora da casinha desnorteada compra uma tinta rosa, pra pintar a casa, paga pintor, fica DOIS MESES na casa... E aí, resolve que teve danos morais por isso? Onde o bicho foi morar? Na Ben10lândia? Pq na Barbielândia seria superaceitável ter uma casa rosa. Até o Ken gay ia gostar de casa rosa. Ultratendênciaaaammmmm gay.

O pior é que consultas jurídicas não são cobradas. Eu tenho que ouvir essas "idéias geniais" de pedir danos morais por desrespeito ao consumidor (foi isso que ele alegou pra mim), tiradas de cinco minutos da coluna "Seu Direito" que passa na TV (todo canal tem uma coluna desse naipe), DE GRAÇA! Por longos 60 minutos! É pra cair o tchú da tchá.

Por favor, povo, antes de procurarem advogados... tenham noção do que vão querer. Entrar com ação porque alguém te chama de "viado, viado, dá a bunda e dá errado!" (cantem com a melodia de "Minhoca, Minhoca, me dá uma beijoca") em frente à sua casa cor-de-rosa com glitter, na frente dos seus familiares, amigos, vizinhos e chefia que vc só convidou pq tem uma chance de ser promovido durante um churrasco em que vc comemora bodas de prata, PODE (não obrigatoriamente!) configurar dano moral. Vc escolher uma tinta cor-de-rosa, só pra agradar uma moça, não conseguir e tentar culpar o pintor... não.

Afe, me dá gastura esses rapazes que eu atendo, viu?

6 comments:

Fulana said...

hahahahahahahahahhaa
cuidado com as piadas de cunho homofóbico, mas mande esse cara dar meia hora de bunda pra ver se passa o neuvoso com a parede rosa!

Geíza Bolognani said...

Só tem doido... qual o problema? Errou o tom do rosa? Aff, povinho mais sem noção!!!

Inaie said...

to rolando de rir...e por instinto ja tinha cantado a melodia do viado, viado... na melodia da minhoca minhoca. Eta genio que eu sou!!

Esse povo assiste muita TV, le muito spam de gente que processou barbaridades nos EUA e ganhou uma grana, e acha que tb vais e dar bem.

ai, ai

Luana said...

Genteeee!!! Onde eu estava que nao tinha visto esse post?

O cara quer culpar o coitado do pintor por algo que ele mesmo tem culpa? hahahhahahaa

hahahahahhahahaha

Ai... imagino a sua cara... A sua vontade de dar voadora na cara so sujeito!

E pelo visto, mandar ele dar meia hora de bunda nao ia ser um insulto, ne? hahhaahahhaha

Ai... pelamoooor!

Cambaxirra said...

Eu só fico imaginando seu esforço para não perder MESMO a paciência com um cliente desses. Mesmo! E, pior ainda, que esses são os mesmos que reclamam que a nossa justiça é lenta. Pourra, mas também, se quebrar uma unha os malucos querem "procurar os seus direitos". Tudo gente doida, hahahaha.

Neanderthal said...

Oi Grazy, cliente é uma coisa sem noção mesmo. Poderia dizer vários casos, mas o que mais me irritou foi dizer a uma pessoa que não pagou as contas que ela não pode processar a empresa só porque teve o nome negativado.
Impressionante como as pessoas não assumem a consequencias dos seus atos!